Obras do Parque de Bioeconomia e Inovação da Amazônia avançam em Belém

- Advertisement -

As obras do Espaço de Inovação em Bioeconomia, localizado no Porto Futuro 2, em Belém, seguem em ritmo acelerado. Equipes da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Pará (Semas) realizaram uma visita à estrutura nesta quinta-feira (8), que faz parte do ecossistema do Parque de Bioeconomia e Inovação da Amazônia, uma das entregas previstas pelo Executivo Estadual para a COP 30.

Para a execução do projeto, está sendo restaurada a estrutura metálica dos Armazéns 5 e 6. Atualmente, está em andamento o processo de jateamento das estruturas dos galpões pré-existentes com partículas de vidro, visando limpar e remover a corrosão das peças. Posteriormente, as estruturas passarão por uma pintura especial para garantir a preservação do prédio, que possui valor histórico. O próximo passo será o fechamento das estruturas com material termo acústico para a lateral e cobertura dos galpões.

“O Espaço de Inovação faz parte do ecossistema do Parque de Bioeconomia, um projeto estruturante previsto no Plano de Bioeconomia do Estado do Pará. É um centro que oferecerá serviços para os empreendedores da bioeconomia paraenses. Estamos acompanhando regularmente o andamento dessas obras, que estão em ritmo acelerado”, destaca o secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Mauro O’ de Almeida.

Os serviços do Espaço de Inovação em Bioeconomia da Amazônia serão disponibilizados para empreendedores e negócios comunitários vinculados à bioeconomia. O ecossistema do Parque de Bioeconomia e Inovação da Amazônia inclui a Escola de Saberes da Floresta, o Centro de Turismo de Base Local, o Centro de Cultura Alimentar e o Centro da Sociobioeconomia do Pará.

- Publicidade -
spot_imgspot_img

Conteúdo Relacionado

DOL
DOLhttps://dol.com.br/?d=1
Site especializado do portal DOL com notícias, reportagens especiais e informações sobre a COP 30, maior evento climático do mundo, que será realizado em Belém, em 2025, além de temas relacionados, como Amazônia, mudanças climáticas e desenvolvimento sustentável.